VGI Agentes

Alexandre Reinecke
Grupo(s): DiretoresRoteiristas

Alexandre Reinecke

Idiomas: Português - Fluente
Faixa Etária: acima de 50 anos
Gênero: Masculino

Release

Um dos diretores mais atuantes do teatro brasileiro com mais de 55 peças dirigidas, um longa-metragem, um clipe musical e considerado em matéria da Veja SP, como “O Rei da Comédia”; é especialista na direção de atores e criação de séries para a TV, nos mais variados gêneros e atualmente desenvolvendo uma série infantil para crianças de 2 a 6 anos.

Histórico

Reinecke iniciou sua carreira de diretor em 2000, quando foi assistente de direção de Paulo Autran, na peça “Dia das Mães”. Desde então dirigiu peças dos mais variados gêneros, entre elas, as comédias “Quarta-Feira, Sem falta, Lá em Casa”, com Beatriz Segall e Myrian Pires, que foi sibstituída por Nicete Bruno“Senhoras e Senhores”,com Suely Franco, John Herbert, Sonia Guedes e Antônio Petrin“Sua Excelência o Candidato” de Marcos Caruso e Jandira Martini, estrelada por Reynaldo Gianecchini; e “Arsênico e Alfazema” (Arsenic and Old Lace), com Ana Lucia Torre e Denise Weinberg,peça que também traduziu e adaptou. “Os 39 Degraus” de Alfred Hitchcock,com Dan Stulbach e Danton Mello, entre outros, “Adultérios” de Woody Allen, com Fabio Assunção; e a comédia francesa “Toc Toc” um dos maiores sucessos dos últimos anos, que ficou em cartaz por mais de 6 anos.

 

 

Seus mais recentes trabalhos (2018/2019) foram uma remontagem de “Quarta-Feira, Sem Falta, Lá em Casa”, com Eva Wilma e Suely Franco e “O Martelo”, com Edwin Luisi, Anderson Muller e Nathalia Rodrigues. Criou e irá dirigir a série “As Efêmeras”, já em fase de desenvolvimento pela Delicatessen Films e o longa-metragem “O Martelo”na produtora Moonshot Filmes, além de duas séries em análise na Rede Globo e uma na O2 Filmes.

Em 2016, filmou seu primeiro longa-metragem “O Amor no Divã”, com Zezé Polessa, Daniel Dantas, Paulo Vilhena e Fernanda Paes Leme, lançado em no novembro do mesmo ano, atualmente disponível na Netflix e Now. Também dirigiu o clipe da música de Zeca Baleiro “Que Amor é Esse”, com Zeca Baleiro e Alessandra Maestrini como intérpretes, lançado em 2017 no canal do compositor, disponível no Youtube. 

Dirigiu duas peças com grande retorno de crítica e público, do dramaturgo e cineasta David Mamet: “O Sucesso a Qualquer Preço” de David Mamet, com Marco Pigossi e Norival Rizzo “Uma Vida no Teatro”, com Francisco Cuoco e Angelo Paes Leme.

Em 2014 formou-se em direção de fotografia e roteiro para TV pela AIC(Academia Internacional de Cinema), além de ter acompanhado sets de filmagem da minissérie FELIZES PARA SEMPRE? ao lado dos diretores Fernando Meirelles e Paulo Morelli e da série LILI, A EX, ambos na O2 Filmes.

 

 

Como roteirista, escreveu dois roteiros originais, baseados em peças de sua autoria, a comédia CONEXÃO MARILYN MONROE e o drama DOMINGO NO PARQUE, inspirado na música homônima de Gilberto Gil. Desenvolveu seis séries para TV, dos mais variados gêneros, apresentadas para algumas produtoras, com ótima receptividade.  

Locuções

Elementor #603

Alexandre Reinecke

Altura: m
Faixa etária:
Idiomas: Português - Fluente

Release

Um dos diretores mais atuantes do teatro brasileiro com mais de 55 peças dirigidas, um longa-metragem, um clipe musical e considerado em matéria da Veja SP, como “O Rei da Comédia”; é especialista na direção de atores e criação de séries para a TV, nos mais variados gêneros e atualmente desenvolvendo uma série infantil para crianças de 2 a 6 anos.

Histórico

Reinecke iniciou sua carreira de diretor em 2000, quando foi assistente de direção de Paulo Autran, na peça “Dia das Mães”. Desde então dirigiu peças dos mais variados gêneros, entre elas, as comédias “Quarta-Feira, Sem falta, Lá em Casa”, com Beatriz Segall e Myrian Pires, que foi sibstituída por Nicete Bruno“Senhoras e Senhores”,com Suely Franco, John Herbert, Sonia Guedes e Antônio Petrin“Sua Excelência o Candidato” de Marcos Caruso e Jandira Martini, estrelada por Reynaldo Gianecchini; e “Arsênico e Alfazema” (Arsenic and Old Lace), com Ana Lucia Torre e Denise Weinberg,peça que também traduziu e adaptou. “Os 39 Degraus” de Alfred Hitchcock,com Dan Stulbach e Danton Mello, entre outros, “Adultérios” de Woody Allen, com Fabio Assunção; e a comédia francesa “Toc Toc” um dos maiores sucessos dos últimos anos, que ficou em cartaz por mais de 6 anos.

 

 

Seus mais recentes trabalhos (2018/2019) foram uma remontagem de “Quarta-Feira, Sem Falta, Lá em Casa”, com Eva Wilma e Suely Franco e “O Martelo”, com Edwin Luisi, Anderson Muller e Nathalia Rodrigues. Criou e irá dirigir a série “As Efêmeras”, já em fase de desenvolvimento pela Delicatessen Films e o longa-metragem “O Martelo”na produtora Moonshot Filmes, além de duas séries em análise na Rede Globo e uma na O2 Filmes.

Em 2016, filmou seu primeiro longa-metragem “O Amor no Divã”, com Zezé Polessa, Daniel Dantas, Paulo Vilhena e Fernanda Paes Leme, lançado em no novembro do mesmo ano, atualmente disponível na Netflix e Now. Também dirigiu o clipe da música de Zeca Baleiro “Que Amor é Esse”, com Zeca Baleiro e Alessandra Maestrini como intérpretes, lançado em 2017 no canal do compositor, disponível no Youtube. 

Dirigiu duas peças com grande retorno de crítica e público, do dramaturgo e cineasta David Mamet: “O Sucesso a Qualquer Preço” de David Mamet, com Marco Pigossi e Norival Rizzo “Uma Vida no Teatro”, com Francisco Cuoco e Angelo Paes Leme.

Em 2014 formou-se em direção de fotografia e roteiro para TV pela AIC(Academia Internacional de Cinema), além de ter acompanhado sets de filmagem da minissérie FELIZES PARA SEMPRE? ao lado dos diretores Fernando Meirelles e Paulo Morelli e da série LILI, A EX, ambos na O2 Filmes.

 

 

Como roteirista, escreveu dois roteiros originais, baseados em peças de sua autoria, a comédia CONEXÃO MARILYN MONROE e o drama DOMINGO NO PARQUE, inspirado na música homônima de Gilberto Gil. Desenvolveu seis séries para TV, dos mais variados gêneros, apresentadas para algumas produtoras, com ótima receptividade.