VGI Agentes

Cristina Mutarelli

Cristina Mutarelli

Idiomas: Português - Fluente
Faixa Etária: acima de 50 anos
Gênero: Feminino
Altura: 1.59m

Release

Atriz, diretora, poeta, artista plástica, performer e escritora. Cristina Mutarelli possui formação pela Escola de Comunicações e Artes da USP, Lee Strasberg Theater Institute de Nova York e estagiou no Théâtre du Soleil em Paris.

 

Com uma trajetória de sucesso, no teatro Cristina fez parte do coro de protagonistas de “O Rei da Vela”, de Oswaldo de Andrade e direção José Celso Martinez Corrêa. “A Escola do Escândalo” – de Richard Sheridan e direção Miguel Falabella também está em sua lista de sucessos. No teatro infantil adaptou “Contação de História” do texto infantil “O Lobo Bobo”. Dirigiu muitos espetáculos entre eles “Pedro e Vanda” de Jay Di Pietro; a ópera “Macbeth” – de William Shakespeare e ópera de Giuseppe Verdi e o show “Entre Nuvens” – lançamento do CD de Luiz Millan e Plínio Cutait.

 

Na televisão, fez parte do elenco das novelas “Deus Salve o Rei” (Rede Globo); “Carinha de Anjo” (SBT); “Amor à Vida” (Rede Globo) entre outras. No cinema esteve nos filmes “Os Parças 2” de Claudio Torres Gonzaga; “O Riso de Ariano” de José Eduardo Belmonte; “Paraiso Perdido” de Monique Gardenberg e várias outras produções de grande repercussão. Roteirizou os filmes “Diversões Eletrônicas” – coautoria de Cristina Santeiro e a “A Rainha do Xerox”.

Histórico

TELEVISÃO
2018 – “Deus Salve o Rei” – novela de Daniel Adjafre, direção de
Fabrício Mamberti – Rede Globo
2016 – “Carinha de Anjo” – novela adaptação de Iris Abravanel e
supervisão de Leonor Correa, direção de Ricardo Mantoanelli – SBT

2013 – “Amor à Vida” – novela de Walcyr Carrasco – direção Mauro
Mendonça Filho – Rede Globo
2012 – “Cartãozinho Verde” – apresentadora do programa diário – TV
Cultura
2011 – “Morde e Assopra” – novela de Walcyr Carrasco – direção
Rogério Gomes – TV Globo
2010 – “Separação” – minissérie de Alexandre Machado e Fernanda
Young – direção José Alvarenga – TV Globo
2009 – “Caras e Bocas” – novela de Walcyr Carrasco – direção Jorge
Fernando – TV Globo
2009 – “Toma Lá da Cá” – de Miguel Falabella – direção Mauricio Farias
TV Globo
1998 – “Mulher” – de Daniel Filho – direção Daniel Filho e José
Alvarenga Júnior – TV Globo
1996 – “Sai de Baixo” – membro da equipe de redação – TV Globo
1993 – “Deus nos Acuda” – novela de Silvio de Abreu – TV Globo
1992 – “Rá-Tim-Bum” – de Flávio de Souza – direção Fernando
Meirelles TV Cultura
1991 – “O Mundo da Lua” – criação de Flávio de Souza – direção
Roberto Vignati – TV Cultura

1989 – “Revistinha” – TV Cultura
1988 – “Cadeira de Barbeiro” – direção José de Anchieta, com Cacá
Rosset – TV Manchete
1987 – “Domingo Paulista” – apresentação Cacá Rosset – TV Record
1984 – “Radar” – direção Eduardo Abramovay e Gil Ribeiro – TV Gazeta –
1984 – “Joana” – de Marta Góes – direção Del Rangel, com Regina
Duarte – TV Manchete

 

CINEMA
2018 – “Os Parças 2” – de Claudio Torres Gonzaga
2018 – “O Riso de Ariano” – de José Eduardo Belmonte
2017 – “Paraiso Perdido” – filme e direção de Monique Gardenberg
2016 – “O Galã” – filme e direção de Francisco Ramalho Jr
2015 – “Meu Amigo Hindu” –de Hector Babenco
2007 – “O Signo da Cidade” – roteiro Bruna Lombardi e direção Carlos
Alberto Ricelli
1993 – “A Má Criada” – de Sung Sfal
1987 – “Fogo e Paixão” – de Isay Weinfeld e Marcio Kogan
1986 – “Anjos da Noite” – de Wilson Barros
1985 – “Romance” – de Sérgio Bianchi
1985 – “Brasa Adormecida” – de Djalma Limongi Batista
1983 – “Onda Nova” – de Ícaro Martins e José Antonio Garcia
– “Anastácia e Bonifácia” – Curta metragem para o lançamento do
livro Anastácia e Bonifácia – Cia das Letras
– “A Caixinha do Amor” – Curta Metragem – Direção de Letícia
Imbassahy

 

TEATRO
2018 – “O Rei da Vela” – de Oswaldo de Andrade – Direção José Celso
Martinez Corrêa
2011 – “A Escola do Escândalo” – de Richard Sheridan – direção Miguel
Falabella
2010 – “Frenesi” – de Naum Alves de Souza e Cristina Mutarelli – direção
Naum Alves de Souza
2009 – “Uma Mulher de Vestido Preto” – de Jorge Félix – direção Roney
Facchini

2008 – “Falas” – de Cristina Mutarelli – direção e encenação Maria
Cecília Mansur
2007 – “Querida Filha” – de Cristina Mutarelli – direção de Fernado
Neves, com Leopoldo Pacheco
2006 – “PAI” – de Cristina Mutarelli – direção Marcelo Lazzaratto
2003 – “Estrelas do Orinoco” – de Emilio Carballido – direção Ligia
Cortez
1999 – “Cacilda” – de José Celso Martinez Corrêa – direção do autor
1998 – “Arte Oculta” – de Cristina Mutarelli – direção Elias Andreato
1997 – “Pootanah Moksha” – de Lee Breuer – direção do autor
1991 – “Quase um Bibelô” – de Flavio de Souza – direção do autor
1991 – “Big Loira” – de Dorothy Parker – adaptação e direção Naum
Alves de Souza

1988 – “Amigo da Onça” – de Chico Caruso – direção Paulo Betti
1988 – “A Rainha por Um Dia” – de Celso Luis Paulini – direção Marcia
Abujamra – Indicação para o Prêmio Mambembe Melhor Texto
1985 – “Feliz Páscoa” – de Jean Poiret – direção José Possi Neto
1985 – “Tartufo” – de Molière – direção José Possi Neto
1984-“Um Beijo, Um Abraço e um Aperto de Mão” – de Naum Alves
de Souza – direção do autor
1984 – “Papai e Mamãe” – de Mario Prata e Marta Suplicy – direção
Flavio de Souza
1983 – “Parentes entre Parênteses” – de Flávio de Souza – direção do
autor
1974 – “Rei Momo” – Grupo União e Olho Vivo – de Cesar Vieira –
direção do autor

PEÇAS INFANTIS
2015 – “Contação de História” – adaptação de Cristina Mutarelli, do
texto infantil “O Lobo Bobo”
2007 – “Professora Aloprada” – de Cristina Mutarelli – direção da
autora
1999 – “Você tem Medo de Que?” – de Cristina Mutarelli – direção da
autora
1982 – “Vida de Cachorro” – de Flávio de Souza – direção do autor

DIREÇÃO TEATRAL
2003 – “Pedro e Vanda” – de Jay Di Pietro, com Gabriela Duarte
1987 – “Antes Tarde do que Nunca” – de Cristina Mutarelli
1987 – “Síndrome de Super Homem” – de Flávio de Souza – indicação de melhor
direção

1984 -“Ronda” com a companhia de dança Neon – roteiro Cristina
Mutarelli

Prêmios

1985 e 1986 - “Tartufo” e “Feliz Páscoa” - APETESP : Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo – melhor atriz coadjuvante
1984 - “Um Beijo, Um Abraço e Um Aperto de Mão” – APETESP: Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo – melhor atriz coadjuvante
1984 - “Diversões Eletrônicas” - co-autoria com Cristina Santeiro. Prêmio Embrafilme/Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, para roteirização do Argumento de Longa-Metragem

Locuções

Elementor #603

Cristina Mutarelli

Altura: 1.59m
Faixa etária:
Idiomas: Português - Fluente

Release

Atriz, diretora, poeta, artista plástica, performer e escritora. Cristina Mutarelli possui formação pela Escola de Comunicações e Artes da USP, Lee Strasberg Theater Institute de Nova York e estagiou no Théâtre du Soleil em Paris.

 

Com uma trajetória de sucesso, no teatro Cristina fez parte do coro de protagonistas de “O Rei da Vela”, de Oswaldo de Andrade e direção José Celso Martinez Corrêa. “A Escola do Escândalo” – de Richard Sheridan e direção Miguel Falabella também está em sua lista de sucessos. No teatro infantil adaptou “Contação de História” do texto infantil “O Lobo Bobo”. Dirigiu muitos espetáculos entre eles “Pedro e Vanda” de Jay Di Pietro; a ópera “Macbeth” – de William Shakespeare e ópera de Giuseppe Verdi e o show “Entre Nuvens” – lançamento do CD de Luiz Millan e Plínio Cutait.

 

Na televisão, fez parte do elenco das novelas “Deus Salve o Rei” (Rede Globo); “Carinha de Anjo” (SBT); “Amor à Vida” (Rede Globo) entre outras. No cinema esteve nos filmes “Os Parças 2” de Claudio Torres Gonzaga; “O Riso de Ariano” de José Eduardo Belmonte; “Paraiso Perdido” de Monique Gardenberg e várias outras produções de grande repercussão. Roteirizou os filmes “Diversões Eletrônicas” – coautoria de Cristina Santeiro e a “A Rainha do Xerox”.

Histórico

TELEVISÃO
2018 – “Deus Salve o Rei” – novela de Daniel Adjafre, direção de
Fabrício Mamberti – Rede Globo
2016 – “Carinha de Anjo” – novela adaptação de Iris Abravanel e
supervisão de Leonor Correa, direção de Ricardo Mantoanelli – SBT

2013 – “Amor à Vida” – novela de Walcyr Carrasco – direção Mauro
Mendonça Filho – Rede Globo
2012 – “Cartãozinho Verde” – apresentadora do programa diário – TV
Cultura
2011 – “Morde e Assopra” – novela de Walcyr Carrasco – direção
Rogério Gomes – TV Globo
2010 – “Separação” – minissérie de Alexandre Machado e Fernanda
Young – direção José Alvarenga – TV Globo
2009 – “Caras e Bocas” – novela de Walcyr Carrasco – direção Jorge
Fernando – TV Globo
2009 – “Toma Lá da Cá” – de Miguel Falabella – direção Mauricio Farias
TV Globo
1998 – “Mulher” – de Daniel Filho – direção Daniel Filho e José
Alvarenga Júnior – TV Globo
1996 – “Sai de Baixo” – membro da equipe de redação – TV Globo
1993 – “Deus nos Acuda” – novela de Silvio de Abreu – TV Globo
1992 – “Rá-Tim-Bum” – de Flávio de Souza – direção Fernando
Meirelles TV Cultura
1991 – “O Mundo da Lua” – criação de Flávio de Souza – direção
Roberto Vignati – TV Cultura

1989 – “Revistinha” – TV Cultura
1988 – “Cadeira de Barbeiro” – direção José de Anchieta, com Cacá
Rosset – TV Manchete
1987 – “Domingo Paulista” – apresentação Cacá Rosset – TV Record
1984 – “Radar” – direção Eduardo Abramovay e Gil Ribeiro – TV Gazeta –
1984 – “Joana” – de Marta Góes – direção Del Rangel, com Regina
Duarte – TV Manchete

 

CINEMA
2018 – “Os Parças 2” – de Claudio Torres Gonzaga
2018 – “O Riso de Ariano” – de José Eduardo Belmonte
2017 – “Paraiso Perdido” – filme e direção de Monique Gardenberg
2016 – “O Galã” – filme e direção de Francisco Ramalho Jr
2015 – “Meu Amigo Hindu” –de Hector Babenco
2007 – “O Signo da Cidade” – roteiro Bruna Lombardi e direção Carlos
Alberto Ricelli
1993 – “A Má Criada” – de Sung Sfal
1987 – “Fogo e Paixão” – de Isay Weinfeld e Marcio Kogan
1986 – “Anjos da Noite” – de Wilson Barros
1985 – “Romance” – de Sérgio Bianchi
1985 – “Brasa Adormecida” – de Djalma Limongi Batista
1983 – “Onda Nova” – de Ícaro Martins e José Antonio Garcia
– “Anastácia e Bonifácia” – Curta metragem para o lançamento do
livro Anastácia e Bonifácia – Cia das Letras
– “A Caixinha do Amor” – Curta Metragem – Direção de Letícia
Imbassahy

 

TEATRO
2018 – “O Rei da Vela” – de Oswaldo de Andrade – Direção José Celso
Martinez Corrêa
2011 – “A Escola do Escândalo” – de Richard Sheridan – direção Miguel
Falabella
2010 – “Frenesi” – de Naum Alves de Souza e Cristina Mutarelli – direção
Naum Alves de Souza
2009 – “Uma Mulher de Vestido Preto” – de Jorge Félix – direção Roney
Facchini

2008 – “Falas” – de Cristina Mutarelli – direção e encenação Maria
Cecília Mansur
2007 – “Querida Filha” – de Cristina Mutarelli – direção de Fernado
Neves, com Leopoldo Pacheco
2006 – “PAI” – de Cristina Mutarelli – direção Marcelo Lazzaratto
2003 – “Estrelas do Orinoco” – de Emilio Carballido – direção Ligia
Cortez
1999 – “Cacilda” – de José Celso Martinez Corrêa – direção do autor
1998 – “Arte Oculta” – de Cristina Mutarelli – direção Elias Andreato
1997 – “Pootanah Moksha” – de Lee Breuer – direção do autor
1991 – “Quase um Bibelô” – de Flavio de Souza – direção do autor
1991 – “Big Loira” – de Dorothy Parker – adaptação e direção Naum
Alves de Souza

1988 – “Amigo da Onça” – de Chico Caruso – direção Paulo Betti
1988 – “A Rainha por Um Dia” – de Celso Luis Paulini – direção Marcia
Abujamra – Indicação para o Prêmio Mambembe Melhor Texto
1985 – “Feliz Páscoa” – de Jean Poiret – direção José Possi Neto
1985 – “Tartufo” – de Molière – direção José Possi Neto
1984-“Um Beijo, Um Abraço e um Aperto de Mão” – de Naum Alves
de Souza – direção do autor
1984 – “Papai e Mamãe” – de Mario Prata e Marta Suplicy – direção
Flavio de Souza
1983 – “Parentes entre Parênteses” – de Flávio de Souza – direção do
autor
1974 – “Rei Momo” – Grupo União e Olho Vivo – de Cesar Vieira –
direção do autor

PEÇAS INFANTIS
2015 – “Contação de História” – adaptação de Cristina Mutarelli, do
texto infantil “O Lobo Bobo”
2007 – “Professora Aloprada” – de Cristina Mutarelli – direção da
autora
1999 – “Você tem Medo de Que?” – de Cristina Mutarelli – direção da
autora
1982 – “Vida de Cachorro” – de Flávio de Souza – direção do autor

DIREÇÃO TEATRAL
2003 – “Pedro e Vanda” – de Jay Di Pietro, com Gabriela Duarte
1987 – “Antes Tarde do que Nunca” – de Cristina Mutarelli
1987 – “Síndrome de Super Homem” – de Flávio de Souza – indicação de melhor
direção

1984 -“Ronda” com a companhia de dança Neon – roteiro Cristina
Mutarelli

Prêmios:

• 1985 e 1986 - “Tartufo” e “Feliz Páscoa” - APETESP : Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo – melhor atriz coadjuvante

• 1984 - “Um Beijo, Um Abraço e Um Aperto de Mão” – APETESP: Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo – melhor atriz coadjuvante

• 1984 - “Diversões Eletrônicas” - co-autoria com Cristina Santeiro. Prêmio Embrafilme/Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, para roteirização do Argumento de Longa-Metragem