Dan Rosseto
Grupo(s): Atores

Dan Rosseto

Idiomas: Português - Fluente
Faixa Etária: 41 a 50 anos
Gênero: Masculino
Altura: 1.73m

Release

Diretor, dramaturgo, roteirista e ator; atua desde 1996 na área cultural. Formado em Comunicação Social e Cinema, Pós-graduado em Crítica de Arte, Teorias e Práticas da Comunicação e Semiótica; é professor de interpretação, dramaturgia e roteiro. Em 2018 recebeu o troféu Nelson Rodrigues como personalidade do teatro. No ano de 2020/2021 trabalhou no desenvolvimento e roteiro de uma série nacional biográfica produzida pela O2 para o canal de streaming Globoplay. Atua também como professor de dramaturgia.

 

 Tem 07 peças de sua autoria encenadas: “Manual Para Dias Chuvosos” (2014/2019), “Antes de Tudo” (2015), “Diga Que Você Já Me Esqueceu” (2016/2018), “Enquanto As Crianças Dormem” (2017), “Nunca Fomos Tão Felizes” (2019), “Doralice, Senhora Meretriz” (2020) e “O Último Concerto Para Vivaldi” (2021). Já assinou mais de 30 espetáculos tendo viajado para outros países para participar de Festivais de Teatro no México e Chile.

 

Estreou no palco como ator em 1996 com uma peça de Augusto Boal. Esteve também em: “Madame Blavatsky” (1997), “Olinda, Olinda” (1998), “Ponto de Partida” (1999), “Bailei na Curva” (2000), “Mão na Luva” (2001), “Canaã – A Terra Prometida” (2005), “Ritual dos 7” (2006), “O Beijo no Asfalto “ (2007), “Imperador e Galileu” (2008), “O Primo Basílio – O Musical” (2012), “Lisbela e o Prisioneiro – O Musical” (2015) e “Roleta-Russa” (2015 a 2017). Trabalhou com nomes como: Sergio Ferrara, Sônia Guedes, Cesar Baptista, Jarbas Capusso Filho, Lú Carion, Jolanda Gentilezza, Fabio Nougueira, Carlos Meceni, Cleto Baccic, Caco Ciocler, Silvio Zylber, Abrahão Farc, entre outros.

 

Em 2021 esteve no elenco do longa-metragem “CIAO” de Gui Dantas e Cristiano Callegari.

 

É professor e diretor de montagem na Escola de Atores Wolf Maya e Studio Fátima Toledo.

 

Em 2019 lançou um livro com duas peças de sua autoria: “Peças Sobre Morte – Volume 1”, pela Editora Giostri.

Histórico

TEATRO

 

ATUANDO

 

2015 / 2017 – “Roleta-Russa”, direção de César Baptista.

2015 – “Lisbela e o Prisioneiro, O Musical”, direção de Dan Rosseto e Kléber Montanheiro.

2012 – “O Primo Basílio, O Musical”, direção de Dan Rosseto.

2008 – “Imperador e Galileu”, direção de Sérgio Ferrara.

2007 – “O Beijo no Asfalto”, direção de Sérgio Ferrara.

2005 – “Canaã – A Terra Prometida”, direção de Carlos Meceni.

2001 – “Mão na Luva”, direção de Fábio Nougueira.

2000 – “Bailei na Curva”, direção de Fábio Nougueira.

1999 – “Ponto de Partida”, direção de Fábio Nougueira.

1998 – “Olinda, Olinda”, direção de Fábio Nougueira.

1997 – “Madame Blavatsky”, direção de Fábio Nougueira.

 

DIREÇÃO

 

2021 – “O Último Concerto Para Vivaldi”, de Dan Rosseto.

2021 – “Loucas”, de Sandra Massera.

2020 – “Doralice, Senhora Meretriz”, de Dan Rosseto.

2019 – “Visceral”, de Nanna de Castro (indicado ao Prêmio Shell).

2019 – “Duosolo”, de Nanna de Castro.

2019 – “Nunca Fomos Tão Felizes”, de Dan Rosseto.

2018 – “Eles Não Usam Black-tie”, de Gianfrancesco Guarnieri.

2018 – “Diga Que Você Já Me Esqueceu”, de Dan Rosseto.

2018 – “O Planeta dos Esquecidos”, de Luccas Papp.

2018 – “Entre! A Porta Está Aberta”, de Gloria Rabelo.

2017 – “Enquanto As Crianças Dormem”, de Dan Rosseto (Prêmio Melhor Dramaturgia).

2016 – “As Loucuras Que As Mulheres Fazem”, de Luciana Guerra Malta.

2016 – “O Falcão Vingador”, de Luccas Papp.

2016 – “Hoje é Dia de Maria, A Fábula Musical”, de Carlos Alberto Soffrednni.

2015 – “O Colecionador de Universos”, de Luccas Papp.

2015 – “Antes de Tudo”, de Dan Rosseto.

2015 – “Tadzio”, de Zen Salles (Indicado em 12 categorias no Prêmio Cenym).

2015 – “Lisbela e o Prisioneiro – O Musical”, de Osman Lins.

2014/ 2019 – “Manual Para Dias Chuvosos”, de Dan Rosseto (Indicado como Melhor Drama).

2012 – “Valsa n˚ 6”, de Nelson Rodrigues.

2011 – “Eles Não Usam Black-tie”, de Gianfrancesco Guarnieri.

2009 – “O Primo Basílio – O Musical”, de Eça de Queiroz. (Indicado ao Prêmio Contigo na Categoria Musical Nacional).

2008 – “Quando As Máquinas Param”, de Plínio Marcos.

2007 – “O Colecionador”, de John Fowles.

2006 – “Ritual dos 7”, Criação Coletiva.

2005 – “Dois Irmãos”, de Fausto Paravidino.

 

 

AUTOR

 

2021 – “O Último Concerto Para Vivaldi”.

2020 – “Doralice, Senhora Meretriz”.

2019 – “Nunca Fomos Tão Felizes”.

2017 – “Enquanto As Crianças Dormem”.

2016 / 2018 – “Diga Que Você Já Me Esqueceu”.

2015 – “Antes de Tudo”.

2014 – “Manual Para Dias Chuvosos”.

 

CINEMA

 

2021 – Elenco do longa-metragem “CIAO”, de Gui Dantas e Cristiana Calegari.

2010 – Elenco principal, Web Série “Cidade Grande”.

 

TV/STREAMING

 

2021 – Roteirista da série “As Aventuras de José e Durval”, produção da O2 para o canal de streaming Globoplay (em filmagem).

Prêmios

2020 - Indicado ao Prêmio Shell pelo espetáculo "Visceral" de Nanna de Castro.
2018 - Recebeu o "Troféu Nelson Rodrigues" como personalidade do teatro.
2017 - Prêmio Aplauso Brasil de Melhor Dramaturgia e Melhor Trilha Sonora Original pelo antimusical "Enquanto As Crianças Dormem".
2015 - Prêmio Cenym de Qualidade Artística pelo espetáculo "Tadzio" de Zen Salles.
2014 - Indicado Prêmio Arte Qualidade Brasil como Melhor Drama por "Manual Para Dias Chuvosos".
2009 - Indicado ao Prêmio Contigo de Teatro como Melhor Musical Nacional pelo espetáculo "O Primo Basílio, O Musical".

Locuções

Elementor #603

Dan Rosseto

Altura: 1.73m
Faixa etária:
Idiomas: Português - Fluente

Release

Diretor, dramaturgo, roteirista e ator; atua desde 1996 na área cultural. Formado em Comunicação Social e Cinema, Pós-graduado em Crítica de Arte, Teorias e Práticas da Comunicação e Semiótica; é professor de interpretação, dramaturgia e roteiro. Em 2018 recebeu o troféu Nelson Rodrigues como personalidade do teatro. No ano de 2020/2021 trabalhou no desenvolvimento e roteiro de uma série nacional biográfica produzida pela O2 para o canal de streaming Globoplay. Atua também como professor de dramaturgia.

 

 Tem 07 peças de sua autoria encenadas: “Manual Para Dias Chuvosos” (2014/2019), “Antes de Tudo” (2015), “Diga Que Você Já Me Esqueceu” (2016/2018), “Enquanto As Crianças Dormem” (2017), “Nunca Fomos Tão Felizes” (2019), “Doralice, Senhora Meretriz” (2020) e “O Último Concerto Para Vivaldi” (2021). Já assinou mais de 30 espetáculos tendo viajado para outros países para participar de Festivais de Teatro no México e Chile.

 

Estreou no palco como ator em 1996 com uma peça de Augusto Boal. Esteve também em: “Madame Blavatsky” (1997), “Olinda, Olinda” (1998), “Ponto de Partida” (1999), “Bailei na Curva” (2000), “Mão na Luva” (2001), “Canaã – A Terra Prometida” (2005), “Ritual dos 7” (2006), “O Beijo no Asfalto “ (2007), “Imperador e Galileu” (2008), “O Primo Basílio – O Musical” (2012), “Lisbela e o Prisioneiro – O Musical” (2015) e “Roleta-Russa” (2015 a 2017). Trabalhou com nomes como: Sergio Ferrara, Sônia Guedes, Cesar Baptista, Jarbas Capusso Filho, Lú Carion, Jolanda Gentilezza, Fabio Nougueira, Carlos Meceni, Cleto Baccic, Caco Ciocler, Silvio Zylber, Abrahão Farc, entre outros.

 

Em 2021 esteve no elenco do longa-metragem “CIAO” de Gui Dantas e Cristiano Callegari.

 

É professor e diretor de montagem na Escola de Atores Wolf Maya e Studio Fátima Toledo.

 

Em 2019 lançou um livro com duas peças de sua autoria: “Peças Sobre Morte – Volume 1”, pela Editora Giostri.

Histórico

TEATRO

 

ATUANDO

 

2015 / 2017 – “Roleta-Russa”, direção de César Baptista.

2015 – “Lisbela e o Prisioneiro, O Musical”, direção de Dan Rosseto e Kléber Montanheiro.

2012 – “O Primo Basílio, O Musical”, direção de Dan Rosseto.

2008 – “Imperador e Galileu”, direção de Sérgio Ferrara.

2007 – “O Beijo no Asfalto”, direção de Sérgio Ferrara.

2005 – “Canaã – A Terra Prometida”, direção de Carlos Meceni.

2001 – “Mão na Luva”, direção de Fábio Nougueira.

2000 – “Bailei na Curva”, direção de Fábio Nougueira.

1999 – “Ponto de Partida”, direção de Fábio Nougueira.

1998 – “Olinda, Olinda”, direção de Fábio Nougueira.

1997 – “Madame Blavatsky”, direção de Fábio Nougueira.

 

DIREÇÃO

 

2021 – “O Último Concerto Para Vivaldi”, de Dan Rosseto.

2021 – “Loucas”, de Sandra Massera.

2020 – “Doralice, Senhora Meretriz”, de Dan Rosseto.

2019 – “Visceral”, de Nanna de Castro (indicado ao Prêmio Shell).

2019 – “Duosolo”, de Nanna de Castro.

2019 – “Nunca Fomos Tão Felizes”, de Dan Rosseto.

2018 – “Eles Não Usam Black-tie”, de Gianfrancesco Guarnieri.

2018 – “Diga Que Você Já Me Esqueceu”, de Dan Rosseto.

2018 – “O Planeta dos Esquecidos”, de Luccas Papp.

2018 – “Entre! A Porta Está Aberta”, de Gloria Rabelo.

2017 – “Enquanto As Crianças Dormem”, de Dan Rosseto (Prêmio Melhor Dramaturgia).

2016 – “As Loucuras Que As Mulheres Fazem”, de Luciana Guerra Malta.

2016 – “O Falcão Vingador”, de Luccas Papp.

2016 – “Hoje é Dia de Maria, A Fábula Musical”, de Carlos Alberto Soffrednni.

2015 – “O Colecionador de Universos”, de Luccas Papp.

2015 – “Antes de Tudo”, de Dan Rosseto.

2015 – “Tadzio”, de Zen Salles (Indicado em 12 categorias no Prêmio Cenym).

2015 – “Lisbela e o Prisioneiro – O Musical”, de Osman Lins.

2014/ 2019 – “Manual Para Dias Chuvosos”, de Dan Rosseto (Indicado como Melhor Drama).

2012 – “Valsa n˚ 6”, de Nelson Rodrigues.

2011 – “Eles Não Usam Black-tie”, de Gianfrancesco Guarnieri.

2009 – “O Primo Basílio – O Musical”, de Eça de Queiroz. (Indicado ao Prêmio Contigo na Categoria Musical Nacional).

2008 – “Quando As Máquinas Param”, de Plínio Marcos.

2007 – “O Colecionador”, de John Fowles.

2006 – “Ritual dos 7”, Criação Coletiva.

2005 – “Dois Irmãos”, de Fausto Paravidino.

 

 

AUTOR

 

2021 – “O Último Concerto Para Vivaldi”.

2020 – “Doralice, Senhora Meretriz”.

2019 – “Nunca Fomos Tão Felizes”.

2017 – “Enquanto As Crianças Dormem”.

2016 / 2018 – “Diga Que Você Já Me Esqueceu”.

2015 – “Antes de Tudo”.

2014 – “Manual Para Dias Chuvosos”.

 

CINEMA

 

2021 – Elenco do longa-metragem “CIAO”, de Gui Dantas e Cristiana Calegari.

2010 – Elenco principal, Web Série “Cidade Grande”.

 

TV/STREAMING

 

2021 – Roteirista da série “As Aventuras de José e Durval”, produção da O2 para o canal de streaming Globoplay (em filmagem).

Prêmios:

• 2020 - Indicado ao Prêmio Shell pelo espetáculo "Visceral" de Nanna de Castro.

• 2018 - Recebeu o "Troféu Nelson Rodrigues" como personalidade do teatro.

• 2017 - Prêmio Aplauso Brasil de Melhor Dramaturgia e Melhor Trilha Sonora Original pelo antimusical "Enquanto As Crianças Dormem".

• 2015 - Prêmio Cenym de Qualidade Artística pelo espetáculo "Tadzio" de Zen Salles.

• 2014 - Indicado Prêmio Arte Qualidade Brasil como Melhor Drama por "Manual Para Dias Chuvosos".

• 2009 - Indicado ao Prêmio Contigo de Teatro como Melhor Musical Nacional pelo espetáculo "O Primo Basílio, O Musical".

Outros artistas relacionados